Aprender Inglês

01 de Setembro de 2021

Gramática: tudo sobre Simple Present

Entenda como usar o Simple Present corretamente

Para aprender inglês (algo cada vez mais necessário no mundo globalizado), precisamos dominar todas as habilidades comunicativas: leitura, escrita, fala e escuta. E, pra isso, precisamos conhecer aspectos gramaticais e conseguir aplicá-los, como por exemplo, os tempos verbais.

Não sabe o que isso significa? A gente te explica: Os tempos verbais são alterações do verbo que indicam em qual momento o fato descrito por ele está ocorrendo. De forma básica, temos os tempos verbais: passado, presente e futuro, que podem ser divididos em simples e compostos.

Pensando nisso, hoje nós separamos algumas regras de como e quando usar a variação do verbo no Simple Present. Vamos dar uma olhadinha?

O Simple Present, ou "presente simples", é utilizado para indicar ações permanentes e rotineiras. É equivalente ao presente do indicativo na língua portuguesa. Além disso, ele também é usado para expressar sentimentos, desejos, opiniões, preferências e verdades "universais".

Com certa frequência, frases no presente simples trazem consigo advérbios de tempo, ou seja, expressões de tempo que informam a frequência com que algo acontece. Vamos ver alguns exemplos de advérbios de tempo:

Always / Sempre
Daily / Diariamente 
Every day / Todos os dias 
Normally / Normalmente 
Never / Nunca
Often / Frequentemente 
Sometimes / Às vezes 
Today / Hoje
Usually / Normalmente

Vamos ver alguns exemplos de uso do presente simples: 
 

- Simple present em frases de ações rotineiras:


I always leave home at 7:00. / Eu sempre saio de casa às 7h.
They normally have lunch at the shopping mall. / Eles normalmente almoçam no shopping.
I sometimes feel sick in the evening. / Eu às vezes fico enjoada à tardinha. 
I never work on Sundays. / Eu nunca trabalho aos domingos.
I usually have lunch at midday. / Normalmente eu almoço ao meio-dia.
 

- Simple present em frases falando de fatos, hábitos ou opiniões


Fato: I am very lazy and clumsy, unfortunately. / Eu sou muito preguiçoso e desastrado, infelizmente.
Hábito: I read a book before I go to sleep. / Eu leio um livro antes de ir dormir.
Opinião: She is so beautiful. / Ela é tão bonita.
 

- Simple present em frases falando de "verdades universais", coisas que todo mundo sabe e ninguém pode discordar: 


The human body contains 206 bones. / O corpo humano contém 206 ossos.
Birds fly.  / Os pássaros voam. 
Rio de Janeiro is in Brazil. / Rio de Janeiro fica no Brasil.

Nós também usamos o Simple Present para falar de coisas que estão acontecendo no momento, mas cuidado, pois dependendo do que queremos expressar talvez tenhamos que usar outro tempo verbal, o Present Continuous (que é papo pra outra hora). Vamos ver alguns exemplos: 
 
John needs your help in the kitchen. / O John precisa de sua ajuda na cozinha.
The dog is on the couch. / O cachorro está no sofá.
 

- Por fim, também usamos o Simple Present para falar de coisas que ainda acontecerão, ou seja, falar de futuro:


Mas é importante salientar que esse uso só é válido quando a ação estiver agendada/marcada para um futuro próximo.

Classes begin tomorrow. / As aulas começam amanhã.
We fly to Paris next Tuesday. / Nós voamos para Paris na próxima terça-feira.
My doctor is next Friday at 4pm. / Meu médico é na sexta que vem, às 4 horas.
 

- Algumas regras de utilização do Simple Present


Quando utilizamos a terceira pessoa do singular, ou seja, frases utilizando os pronomes he, she ou it, precisamos acrescentar "s, es, ies" ao final do verbo, como por exemplo: 

The human body contains 206 bones. / O corpo humano contém 206 ossos. 
"The human body" se refere ao pronome "it", e por isso acrescentamos "s" ao verbo "contain".

John watches TV until very late on Fridays.  / John assiste TV até tarde nas sextas-feiras.
"John" corresponde ao pronome "he", e por isso acrescentamos "es" ao verbo "watch".  

Sheila studies math in the morning. / Sheila estuda matemática de manhã. 
"Sheila" corresponde ao pronome "she", e por isso acrescentamos "ies" ao verbo "run".  


Nas formas negativa e interrogativa, com sujeito "he, she, it", usamos "doesn’t" e "does". Nesses casos o verbo não pode estar acrescido de "s, es, ies". Vamos ver alguns exemplos: 


The human body doesn’t contain 200 bones.
Does the human body contain 206 bones?
 

Quando o sujeito do verbo for "I, you, we, they", usa-se "don’t" e "do". "Don’t" em frases negativas e "do" em frases interrogativas. Olha só:

They don’t read a book before going to bed.
Do they read a book before going to bed?

E lembre-se, essas regras se aplicam a todos os verbos, menos ao verbo "to be", que tem regras de uso próprio. 

E aí, o que você achou deste conteúdo? Gostou? Então acompanhe nossos conteúdos por aqui para facilitar cada vez mais seu processo de aprendizagem.

Nós utilizamos cookies e outras tecnologias similares para melhorar a sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso dessa tecnologia. Para saber mais acesse aqui